domingo, 14 de fevereiro de 2016


Vítima de apenas três anos foi agarrada à força enquanto brincava na rua


Um casal foi preso na noite do último sábado, 13, em Ibirá, após sequestrarem e abusarem de uma criança de três anos.
Polícia localizou veículo em vicinal perto de Potirendaba
De acordo com Boletim de Ocorrência, a menina estava brincando em frente a sua casa no bairro São Benedito, quando por volta das 19h20, foi agarrada à força por uma mulher loira e jogada para dentro de um veículo Pegeot 208 de cor branca de Votuporanga, seguindo para a rodovia.  Um amigo do pai da criança viu a ação e rapidamente informou as placas do veículo para Central de Operações da Polícia Militar- COPOM.
Durante buscas, a Polícia localizou o veículo pela vicinal Abel Pinho Maia, próximo ao Km7, em Potirendaba.  Ao abordar o veículo, os PM encontraram o motorista Marcos.R.R.V (apontado com várias passagens policiais) e sua cúmplice Amanda.T.M.T Questionados sobre a criança, eles deram a versão que tinham apenas dado uma volta com ela e após 20 minutos haviam a deixado em uma rua qualquer.
Os policiais levaram os suspeitos de volta a Ibirá, e na cidade encontraram a criança com marcas nas costas e pescoço, mas, segunda a PM, a mesma estava bem.
Na delegacia, a mulher confessou que o homem tirou a roupa da criança e passou a mão em sua parte genital, e que só a soltou, pois chorava muito. Ainda na perícia no veículo, a polícia apreendeu dois pacotes de corda nylon, dois celulares e ainda um objeto erótico de borracha.
A criança passou por exame de corpo delito, que comprovou que  as marcas nas costas e pescoço eram provas de que foi levada contra sua vontade.
Foi dada voz de prisão ao casal por estupro de vulnerável e sequestro, sendo o homem levado para cadeia de São José do Rio Preto e a mulher para cadeia feminina de Santa Adélia.

Fotos: Polícia Militar