quarta-feira, 16 de março de 2016

Após revelações da Operação Lava Jato, em que investiga o envolvimento do ex-presidente Luíz Inácio Lula da Silva (PT), a presidente Dilma Rousseff  nomeou Lula nesta quarta-feira,16, a  Ministro Chefe da Casa Civil.
Com o cargo ocupado, o ex-presidente passa ter foro privilegiado, e responderá a acusação do Ministério Público (MP), no Supremo Tribunal Federal (STF). Ou seja, o processo sai das mãos do promotor Sérgio Moro e vai para apreciação da Procuradoria Geral da República.

Ainda na tarde de dhoje, a operação Lava Jato divulgou conversas grampeadas entre a presidente e Lula. Na conversa Dilma falou em mandar um documento que seria uma nomeação para usar no caso de emergência

O anúncio da nomeação do cargo à Lula  e conversa divulgada entre ele e presidente gerou revolta em parte dos eleitores, que apresentaram manifestos principalmente nas capitais. Por outro lado, houve protestos em apoio à Lula.

Foto: Ricardo Stuchert/ Fotos Públicas