quarta-feira, 29 de junho de 2016


Além das tarifas nas praças, o preço da passagem de ônibus também subirá a partir do dia 05 de julho


A partir da zero hora desta sexta-feira, dia 1º de julho as tarifas de pedágio das rodovias estaduais paulistas serão reajustadas de acordo com a inflação em 9,32%. O reajuste anual é baseado no IPC-A  acumulado dos últimos 12 meses, de acordo com o estipulado nos contratos de concessão.
Na macrorregião de Catanduva, os pedágios no trajeto da rodovia Washington Luís serão elevados a partir da meia noite, para os seguintes valores: R$14,60 (Catiguá), R$10,40 (Agulha) e R$15,40 em Araraquara.
Nas praças de Monte Alto – R$5,50 (Rodovia Orlando Chesini Tometto), em Pirangi (R$8,40 –Comendador Pedro Monteleone), em Colina (R$8,40 – Rodovia Brigadeiro Faria de Lima), em Jaboticabal (R$12,60 - Rodovia  Carlos Tonanni- Jaboticabal) e em Itápolis (R$6,80, na Rodovia Laurentino Mascari).

PASSAGENS
O Sistema de Transporte Intermunicipal Rodoviário de Passageiros também passa a ter novo valor a partir da zero hora do dia 5 de julho. O percentual de reajuste é de 9,56%.
De acordo com a Artesp, esse índice representa a recomposição dos custos operacionais do Sistema, que considera variações de diversos itens como o diesel, que teve aumento de 10,28%, além do reajuste de 9,33% dos salários da categoria.
Outro componente é o preço dos ônibus suburbanos e rodoviários novos, que sofreram aumento de 16,23% e 22,32% respectivamente. 

ATENÇÃO
Os passageiros que viajam com frequência podem comprar seus bilhetes rodoviários antes do reajuste – as passagens têm validade de 12 meses. 


Foto: Ilustração de valores nos pedágios